Vinhos finos seguem arrematando melhores resultados percentuais de crescimento

Vinhos finos seguem arrematando melhores resultados percentuais de crescimento

Depois de um janeiro um tanto amargo, as vendas de vinhos finos, espumantes e suco de uva fecharam fevereiro com um paladar mais estimulante. Em todas as categorias o desempenho foi positivo se comparado ao mês anterior, com destaque para os vinhos finos que tiveram um aumento de 47,81%, seguido pelos espumantes moscatéis com 45,64% e pelos espumantes brut com 32,89%. O suco de uva foi o que menos cresceu alcançando 8,22%. Nos 28 dias do mês, foram comercializados 538 mil litros de vinhos finos e espumantes a mais que o mês anterior, chegando a 1,8 milhão. Estes são os dados oficiais da União Brasileira de Vitivinicultura (Uvibra), com base no Sistema de Cadastro Vinícola da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul.

Se comparado ao mesmo período do ano passado os vinhos finos cresceram, porém menos, com um incremento de 15,41%. No caso dos moscatéis o acréscimo foi de 25,93%. Entretanto, os espumantes brut ficaram 3,74% abaixo das vendas em relação a fevereiro de 2020 e o suco de uva ficou 6,37% aquém no mesmo comparativo. “O brasileiro começou 2021 mais retraído, comportamento que pode estar relacionado às incertezas geradas diante do agravamento da pandemia. Mesmo assim, vimos um fevereiro animador com o aquecimento nas vendas. Acreditamos que com uma safra maior em 2021 os estoques sejam abastecidos, podendo atender ao mercado que percebeu a qualidade da produção nacional, além da excelente relação custo benefício”, destaca o presidente da União Brasileira de Vitivinicultura (Uvibra), Deunir Argenta.

Argenta aposta na aceleração das vendas diante da ampliação de canais, da melhor distribuição, do preço justo, além do próprio lançamento de produtos das vinícolas. As restrições diante da Covid-19 têm impedido que o enoturismo cresça. Diante disso, a aposta no e-commerce e em ferramentas práticas como o próprio WhatsApp tem facilitado a venda com entrega em qualquer parte do país. O cenário em relação as exportações também é favorável, mostrando que nos dois primeiros meses de 2021, 641.435 litros saíram do Brasil, representando 77,28% a mais que no mesmo período do ano passado quando foram exportados 361.813 litros.

 

COMERCIALIZAÇÃO DE VINHOS FINOS, ESPUMANTES E SUCO DE UVA ELABORADOS NO RIO GRANDE DO SUL – MERCADO INTERNO (litros)

 

PRODUTOS FEVEREIRO 2020 JANEIRO 2021 FEVEREIRO 2021
Vinhos Finos 809.836,84 632.307 934.606
Espumantes (Brut) 515.055 373.096 495.796
Espumantes (Moscatéis) 276.191 238.807 347.794
Suco de Uva * 13.006.011 11.252.542 12.177.672

* Suco de Uva (Natural/Integral, Reprocessado/Reconstituído, Adoçado e Concentrado)

Fonte: SISDEVIN/SEAPDR | Elaboração: Uvibra – Dados coletados em 19 de março de 2021.

Matéria da jornalista Lucinara Masiero publicada na íntegra

foto: Morgane Coloda

 

Dra. Uva